Anúncios

Jardim Japonês: 25 Ideias Super Bacanas para Transformar a Sua Casa!

Quem adora as plantas, com certeza conhece o jardim japonês. Repleto de fontes de água, pedras, bambus e plantas típicas do oriente, esse espaço é conhecido por promover o relaxamento e por trazer mais tranquilidade.

Anúncios

O mais bacana é que esse é um jardim bem democrático, afinal ele pode aparecer tanto na área externa como interna das residências, funcionando bem para quem mora em casas ou em apartamentos.

Também é fã do jardim japonês e deseja montar um cantinho como esse na sua casa? Veja as inspirações lindíssimas que separamos!

Ah e não deixe de ver na ultima página, pois lá tem um vídeo com muitos outros modelos de jardim japonês para você se inspirar.

1 – Versão mini para apartamentos

Como dissemos na introdução, o jardim japonês é bastante democrático e pode ser usado em todos os tipos de espaço.

Essa é uma ideia mini para quem mora em apartamentos e deseja investir em um jardim para a varanda.

Note que todos os elementos estão presentes como as pedras, a fonte de água e as plantas orientais.

2 – Jardim com carpas

As carpas são peixes típicos orientais e muito presentes na cultura japonesa.

Se você tem mais espaço na sua casa, como um quintal maior, que tal incluir esse peixe para decorar o ambiente?

Lembre-se de montar um lago de tamanho adequado para que os peixes possam se desenvolver corretamente.

3 – Jardim com local de descanso

Os jardins orientais são conhecidos por transmitirem paz e tranquilidade para as pessoas.

Justamente por isso é uma ótima ideia aliar um cantinho de descanso e meditação próximo ao jardim.

Você pode criar um deck de madeira e incluir algumas almofadas, futtons e lanternas, por exemplo.

4 – Jardim de inverno

Quem mora em apartamentos ou em casas sem área externa também pode investir no jardim japonês.

Isso porque ele é uma ótima opção para fazer o seu jardim de inverno, que pode aparecer em qualquer “cantinho” da sua casa.

Veja que legal essa inspiração, com lanternas, pedras, bambu e plantas típicas do oriente.

5 – Ponte de madeira

A ponte de madeira é um elemento bastante característico dos jardins japoneses.

Se você está planejando usar esse tipo de jardinagem para a área externa da sua casa, lembre-se de incluir a ponte.

Veja que não é necessário um grande espaço, na verdade, mesmo quintais pequenos podem ficar mais bonitos com esse paisagismo.

6 – Espaços de meditação

Não é à toa que os jardins japoneses também são conhecidos como “jardins zen”.

Afinal, eles convidam as pessoas a relaxarem e a ficarem mais tranquilas, apreciando as belezas naturais do ambiente.

Por isso, você pode pensar em adicionar alguns “cantinhos” para meditação, próximos às fontes de água.

7 – Área externa

Quem tem mais espaço disponível, pode investir em um jardim japonês mais tradicional.

Veja essa inspiração, com um belo lago e ponte de madeira, além de diferentes espécies de plantas.

O resultado é um ambiente extremamente harmonioso e belo, que pode ser o diferencial da sua casa ou chácara.

8 – Corredor com inspiração oriental

Agora, se a falta de espaço é um problema na sua casa, o melhor a fazer é aproveitar qualquer “cantinho”
disponível.

Nessa ideia, um corredor externo ganhou inspirações orientais para lembrar um jardim japonês.

Para isso, foram usados alguns bonsais e também pedras em todo o caminho.

9 – Fontes de água

As fontes são extremamente características dos jardins japoneses e por isso precisam estar presentes no seu paisagismo.

São muitos os modelos que você poderá escolher, mas os de bambu guardam ainda mais charme e relação com a cultura oriental.

Veja como a fonte é capaz de trazer mais beleza e ênfase a qualquer jardim japonês.

10 – Pequeno jardim para área externa

A sua casa tem uma área externa pequena? Não tem problema, porque o jardim japonês se adapta bem a qualquer tamanho de espaço.

Veja que linda essa inspiração com pedras, uma bela lanterna e algumas plantas.

O caminho entre a casa e o quintal ficou totalmente diferenciado e muito mais relaxante.

11 – Jardim japonês colorido

Muitas pessoas acreditam erroneamente que o jardim japonês não pode ser colorido ou divertido.

Na verdade, a dica é sempre optar pelas flores que tenham relação com o universo oriental, como as flores de cerejeira.

Você poderá criar um ambiente bem colorido e bonito, ainda com inspirações japonesas.

12 – Com várias alturas

Quando você olha para um jardim japonês, pode reparar que ele não é um ambiente estático.

Afinal, existem alturas e texturas diferentes que ajudam a criar essa paisagismo único.

Por isso, lembre-se de levar essas diferenças de elementos para a sua casa, criando caminhos de alturas diferentes usando pedras, pontes e plantas.

13 – Pequeno jardim interno

Os ambientes internos ficam muito mais charmosos com um belo jardim japonês.

E não é necessário grandes intervenções para conseguir um ambiente bonito e relaxante.

Veja essa ideia: apenas algumas pedras, um pouco de água e bambu.

14 – Com muito verde

Além de um jardim colorido, você também poderá investir em uma inspiração cheia de verde.

Para isso, será preciso usar plantas de espécies diferentes, além de grama e musgo sobre as pedras.

O resultado é fantástico e super bonito.

15 – Com flores

Quem é fã de flores, também pode montar um lindíssimo jardim japonês.

Para isso, é preciso escolher as que tenham relação com o universo oriental.

Além da tradicional flor de cerejeira, também vale à pena investir em magnólias e pitospóros que são indicadas para espantar os maus espíritos.

16 – Bambu

O bambu é outro elemento bem característico do jardim japonês e que pode aparecer de várias maneiras.

Em alguns jardins, o bambu é amarrado de forma a ficar curvado na direção do lago, como sinal de reverência a quem aprecia o jardim.

Mas ele também pode ter dupla função, por exemplo separar a área do jardim de outros ambientes da casa.

17 – Árvores e arbustos

Se você prestar atenção, verá que a maioria dos jardins japoneses contam com árvores e arbustos não muito altos.

Na cultura japonesa, eles representam o silêncio e a eternidade e por isso sempre estão presentes nos jardins.

Você pode escolher as espécies de acordo com o espaço disponível na sua casa.

18 – Lanterna de pedra

Outro item que não pode faltar no seu jardim japonês é a lanterna de pedra.

A lanterna representa a iluminação da mente e está presente em vários templos budistas.

A maioria possui esse formato tradicional de “casinha” e é segmentada em 5 partes representando os 5 elementos da cosmologia budista.

19 – Bambu e pedra

Mesmo os pequenos espaços podem receber a inspiração japonesa, desde que alguns elementos estejam presentes.

Se o espaço não permitir incluir árvores, arbustos ou rochas, não tem problema.

Faça uma mistura de pequenas pedras, uma fonte de bambu e outros elementos e pronto. O resultado será fantástico.

20 – Chácaras

Quem mora em espaços maiores, como as chácaras ou sítios, pode investir em jardins mais amplos.

Veja essa inspiração que lindíssima: o jardim se une a elementos arquitetônicos orientais.

O resultado é um espaço fascinante e que convida à calma e à meditação.

21 – Pórtico

Outra ideia bem legal é incluir um pórtico na entrada do seu jardim japonês.

É claro que a inspiração precisa estar relacionada com a cultura oriental para fazer sentido.

Os pórticos em madeira são os mais indicados já que este elemento está relacionado aos ambientes externos.

22 – Buda

Os budas podem ou não estar presentes nos jardins japoneses, não sendo um item tradicional.

Apesar disso, aqui no Brasil, esse elemento tem sido usado com destaque.

A ideia é criar um espaço que não seja tradicionalmente apenas um jardim japonês, mas um ambiente para a meditação e o relaxamento.

23 – Templos

Para quem tem mais espaço disponível, outra ideia bem legal é incluir “pequenos templos” no jardim.

Essas construções podem aparecer em vários materiais, tamanhos e formatos.

Elas ajudam a contextualizar o seu paisagismo e enriquecem o jardim.

24 – Sakura

A Sakura ou Cerejeira-Japonesa-Rosa é uma árvore bem característica do Japão.

A sua beleza combina muito bem com jardins em áreas externas.

A planta é conhecida como a árvore da felicidade pelos japoneses e por isso, se você tem espaço suficiente, ela precisa estar presente.

25 – Pedras

Para fazer um belo jardim com inspiração japonesa você não precisa de muitos elementos complexos.

As pedras, por exemplo, podem ser usadas para criar caminhos e delimitar alturas distintas para o seu paisagismo, criando um ambiente rico e variado.

Veja muitas outras ideias para você se inspirar e construir um jardim japonês em sua casa!

Está em dúvida ainda de qual modelo de jardim construir? Então veja essas ideias e decida-se de uma vez.

Gostou das nossas inspirações de jardim japonês?

Quer saber mais sobre jardinagem, então não deixe de conferir nossos outros artigos clicando aqui!

Então compartilhe estas ideias nas suas redes sociais!

Você gostou deste conteúdo? A sua opinião é muito importante!
[Total: 6 Média de: 4.8]

Anúncios